Certidão
Diretoria
Documentação Homologação
Estrutura
Quem Representamos
Quem Somos
Instruções para o Preenchimento
Anot. em Ficha ou Livro de Registro
Categoria Diferenciada
Concorrência Pública - Participação
Contribuição dos Empregados
Desconto
Filiação - Obrigatoriedade
Penalidades
Prof. Liberal Vínculo Empregatício
Quadro de Profissionais Liberais
Recolhimento
Relação dos Empregados
Consulta de Artigos
Galeria de Fotos
Cursos e Palestras


Assistência Jurídica
Colônia de Férias Guaratuba
Cursos Técnicos
Desconto | Medicamentos
Desconto | Estabelecimentos
Policlínica Capão Raso
Aposentados
Boletins Especiais
Call Centers
Convenções Coletivas
Provedores
Telefonia Fixa
Telefonia Móvel
Viva Voz - Edição Extra
Prestadoras de Serviço
Teleatendimento
Call Centers
Prestadoras de Serviço
Provedores
Telefonia Fixa
Telefonia Móvel

Ligue: (41) 3321.3800

Acordo Coletivo
Conciliação e Mediação de Conflitos
Empresas que Aderiram
Formulário de Reclamação
Informações Gerais
Nossas Normas
S.G.P.



CLARO


BRASILSAT


SERCOMTEL


TIM


CLARO


CLARO


BRASILSAT


TIM


CLARO

29/09/2021
CLARO – EM REUNIÃO DE NEGOCIAÇÃO, EMPRESA APRESENTA NADA DE NADA.




Depois de muita insistência da Comissão de Negociação, a Claro finalmente apareceu para a reunião on line ocorrida nesta quarta-feira, 29 de setembro. Porém, veio de mãos abanando com a promessa de apresentar uma proposta concreta para o Acordo Coletivo somente na próxima reunião.

A empresa repetiu aquele velho e desgastado discurso. Apresentou um cenário econômico brasileiro negativo para a empresa com alta do dólar, projeção de inflação, impactos da pandemia, etc. Em seguida, os representantes da Claro mostraram o panorama da empresa no mercado com queda nas vendas da TV paga, diminuição de base de clientes na telefonia fixa e até da pirataria os representantes lançaram mão para se desculpar.

Porém, a Claro ocultou seus excelentes resultados. De acordo com o jornal Valor Econômico, a empresa teve um lucro líquido de 981,1 milhões no segundo trimestre, ou seja, alta de 183% em base anual.

A direção do SINTTEL/PR enfatizou que não abre mão do reajuste pelo INPC do período. Além disso, lembramos à Claro que sua principal concorrente já negociou 10,42% de reajuste nos salários e benefícios.

O Sindicato também reivindica isonomia nos benefícios para os trabalhadores oriundos da Nextel, da Net e Embratel, uma vez que a prática da empresa é injusta e divide os trabalhadores em classes. Exigimos também que a empresa venha para a próxima reunião com proposta consistente e sem evasivas.

Diante desse quadro, ficou agendada a próxima reunião para 13/10.

SINTTEL/PR - Na luta pela vida, emprego e renda!

SINDICATO DOS TRABALHADORES EM TELECOMUNICAÇÕES NO ESTADO DO PARANÁ - © 2014
Atendimento - 2ª a 6ª feira - 9:00h às 12:00h | 13:00h às 17:00h
Nosso Endereço: Alameda Sr. Muricy, 81 - Centro - Curitiba - Paraná - Telefone: (41) 3321-3800